Colágeno

Colágeno: suplementação, evidências científicas e minha prática clínica

By 5 de maio de 2017 No Comments

Realmente existem benefícios na suplementação de colágeno? Evidências científicas, o que tenho visto na minha prática clínica + sugestão de prescrição.

 

Hoje, eu quero falar com vocês sobre um assunto que eu mesma confesso que já tive muita dúvida. E, além de dúvida, fui extremamente resistente porque, afinal de contas, atuamos em um segmento onde existem tantas novidades sendo lançadas no mercado que, se não tomarmos cuidado com as evidências científicas poderemos nos deixar levar por modismos.

 

O tema de hoje é a suplementação de colágeno.

 

Existe realmente algum benefício?

Fazer a ingestão de colágeno vai estimular a síntese do colágeno endógeno?

Na prática, realmente vale a pena prescrever e indicar essa para nossos clientes?

Qual embasamento científico para a prescrição de colágeno?

Quais resultados observados na prática clínica?

 

Antes

Há até alguns anos, eu costumava pensar da seguinte maneira:

 

Bioquimicamente falando, se eu consumisse colágeno através de suplementação, na degradação da proteína, eu iria ter peptídeos e aminoácidos por meio do processo de hidrólise. Porém, isso não necessariamente me garantiria um estímulo da síntese do colágeno endógeno. Então, realmente vale a pena prescrever essa substância e fazer meu cliente investir nisso?

 

Era assim que eu pensava.

 

Hoje

Com evolução da ciência, eu quero apresentar para vocês, hoje, vários estudos publicados de aproximadamente 10 anos para cá nos mostrando que:

  1. Foi comprovado que existem sim a absorção específica de peptídeos de colágeno não só de aminoácidos livres;
  2. A suplementação de colágeno é efetiva para estimular a biossíntese de matriz extracelular dos condrócitos e, por consequência, melhorar a regeneração de cartilagem e todo o processo do metabolismo de articulação.
  3. A suplementação de colágeno também estimula a biossíntese de colágeno e elastina, melhorando o aspecto de rugas e de envelhecimento da pele;
  4. A suplementação de colágeno com alguns tem apresentado grande capacidade antioxidante e anti-hipertensiva, fato inédito para mim;
  5. Estudos novos mostrando até uma melhora na biossíntese de fios de cabelo.

 

 

Você pode ver as referências no fim do post.

 

Hidrólises: Inespecífica  x  Específica

No caso da hidrólise inespecífica, haverá enzimas que estarão aptas a fazer a hidrólise desse colágeno ingerido. Portanto, para garantir um melhor resultado de forma geral, a suplementação de aminoácidos e peptídeos de colágeno não-específico deverá ser em maior concentração.

Eu, particularmente, quando faço a prescrição de suplementação de colágeno hidrolisado, indico a concentração de 10 g por dose de colágeno associadas a vitamina C, vitamina E, vitamina A e alguns minerais como Manganês e Silício, que são importantes nutrientes para a otimizar da produção de colágeno.








 

 

Também há a hidrólise específica de alguns peptídeos de colágeno, possibilitando ações específicas dentro do metabolismo. Isso acontece porque, uma vez que peptídeos específicos são entregues, a hidrólise é feita com enzimas específicas.

 

Por isso, a concentração necessária para suplementar esse tipo de proteína é drasticamente menor. Como é o caso do VERISOL ® com prescrição de 2,5 gramas ao dia, retardando o processo de envelhecimento da pele e melhorando o aspecto de rugas, celulite e das unhas; e o caso do UC-II ® com prescrição de apenas 40 miligramas ao dia, melhorando muito a saúde articular.

 

 

O que tenho visto na minha prática clínica

Tendo embasamento desses novos estudos, há 2 anos, eu comecei a fazer a prescrição de colágeno mais intensidade.

 

Pensando sempre em tratar as causas e não só as consequências, eu tenho visto lá na ponta com as minhas clientes que efetivamente elas têm percebido melhora e benefícios principalmente no tratamento de envelhecimento da pele, celulite e também da flacidez já que a suplementação do colágeno age diretamente na melhora da estrutura da derme.

 

Sendo assim, adotei  suplementação de colágeno hidrolisado juntamente com o booster de vitaminas e minerais como uma das formas eficazes de estimular a produção de colágeno e potencializar resultados dos tratamentos.

 

Afinal, não adianta muito fazer procedimentos externos que estimulem a síntese do colágeno endógeno, como criofrequência e microagulhamento por exemplo, se internamente o organismo não está recebendo a matéria prima  necessária para que esse novo colágeno seja, de fato, sintetizado.

Resumindo: a beleza vem de dentro para fora.

 

Referências

Zague, Vivian Icon; Freitas, Vanessa De Icon; Rosa, Marina Da Costa Icon; Castro, Georgia Alvares De; Jaeger, Ruy G.; Machado-Santelli, Glaucia M. Icon. Collagen Hydrolysate Intake Increases Skin Collagen Expression and Suppresses Matrix Metalloproteinase 2 Activity. Journal of Medicinal Food. 2011; v.14, n.6, p.618-624

 

Naoki Inoue, Fumihito Sugihara, Xuemin Wang. Ingestion of bioactive collagen hydrolysates enhance facial skin moisture and elasticity and reduce facial ageing signs in a randomised double-blind placebo-controlled clinical study. Journal of the Science of Food and Agriculture, 2016, 96, 12, 4077

 

Schunck, M., Zague, V., Oesser, S., & Proksch, E. Dietary Supplementation with Specific Collagen Peptides Has a Body Mass Index-Dependent Beneficial Effect on Cellulite Morphology. Journal of Medicinal Food. 2015; 18(12), 1340–1348.

 

Proksch E, Schunck M, Zague V, Segger D, Degwert J, Oesser S. Oral intake of specific bioactive collagen peptides reduces skin wrinkles and increases dermal matrix synthesis. Skin Pharmacol Physiol. 2014;27(3):113-9. doi: 10.1159/000355523. Epub 2013 Dec 24.

 

Liang, J., Pei, X., Zhang, Z., Wang, N., Wang, J. and Li, Y. The Protective Effects of Long-Term Oral Administration of Marine Collagen Hydrolysate from Chum Salmon on Collagen Matrix Homeostasis in the Chronological Aged Skin of Sprague-Dawley Male Rats. Journal of Food Science. 2010; 75: H230–H238. doi:10.1111/j.1750-3841.2010.01782.x

Zhenbin Wang, Qing Wang, Lin Wang, Weidong Xu, Yuanqing He, Yunliang Li, Song He, Haile Ma. Improvement of skin condition by oral administration of collagen hydrolysates in chronologically aged mice, Journal of the Science of Food and Agriculture, 2016

 

Watanabe-Kamiyama M1, Shimizu M, Kamiyama S, Taguchi Y, Sone H, Morimatsu F, Shirakawa H, Furukawa Y, Komai M. Absorption and effectiveness of orally administered low molecular weight collagen hydrolysate in rats. J Agric Food Chem 2010;58:835–841

 

Iwai K, Hasegawa T, Taguchi Y, et al. Identification of food-derived collagen peptides in human blood after oral ingestion of gelatin hydrolysates. J Agric Food Chem. 2005;53(16):6531–6536.

 

 Hu Hou, Bafang Li, Zhaohui Zhang, Changhu Xue, Guangli Yu, Jingfeng Wang, Yuming Bao, Lin Bu, Jiang Sun, Zhe Peng, Shiwei Su, Moisture absorption and retention properties, and activity in alleviating skin photodamage of collagen polypeptide from marine fish skin. Food Chemistry, 2012, 135, 3, 1432

 

Kawaguchi T, Nanbu PN, Kurokawa M. Distribution of prolylhydroxyproline and its metabolites after oral administration in rats. Biol Pharm Bull 2012;35:422–427
Oesser S, Adam M, Babel W, Seifert J. Oral administration of (14)C labeled gelatin hydrolysate leads to an accumulation of radioactivity in cartilage of mice (C57/BL) J Nutr. 1999;129(10):1891–1895.

 

Chen JK, Shen CR, Liu CL. N-acetylglucosamine: production and applications. Mar Drugs. 2010;8(9):2493–2516.


Hongdong Song, Mengfei Meng, Xiaofeng Cheng, Bo Li, Chengtao Wang. The effect of collagen hydrolysates from silver carp (Hypophthalmichthys molitrix) skin on UV-induced photoaging in mice: molecular weight affects skin repair, Food Funct., 2017

 

Ohara H, Matsumoto H, Ito K, Iwai K, Sato K. Comparison of quantity and structures of hydroxyproline-containing peptides in human blood after oral ingestion of gelatin hydrolysates from different sources. J Agric Food Chem. 2007;55(4):1532–1535.

 

Proksch E, Segger D, Degwert J, Schunck M, Zague V, Oesser S. Oral supplementation of specific collagen peptides has beneficial effects on human skin physiology: A double-blind, placebo-controlled study. Skin Pharmacol Physiol 2014;27:47–55

 

Shigemura Y, Iwai K, Morimatsu F,et al. Effect of prolyl-hydroxyproline (Pro-Hyp), a food-derived collagen peptide inhuman blood, on growth of fibroblasts from mouse skin. J AgricFood Chem2009;57:444–449.

 

Sugihara F, Inoue N, Kuwamori M, Taniguchi M. Quantification of hydroxyprolyl-glycine (Hyp-Gly) in human blood after ingestion of collagen hydrolysate. J Biosci Bioeng 2012;113:202–203

 

 

 

 

 

 

E você: já teve alguma experiência com a suplementação de colágeno?

Escreva aqui nos comentários!

 

 

Comentários
Cláudia Torquato

Cláudia Torquato

Farmacêutica bioquímica e esteta, nutricionista, criadora do conceito Estética Funcional e co-fundadora da OligoFlora, 1ª rede de clínicas de Bem-Estar Estética Funcional do Brasil.

Leave a Reply